Peça Comemorativa da Constituição da CPLP: “Lusom-Ipsum”

AUTOR: Não Identificado
TIPOLOGIA: Peça comemorativa, acompanhada de carta da CPLP ao artista
DATA: 1996 (?)
N.º DE CATÁLOGO: #061
N.º DE INVENTÁRIO: MF.2022.007
PROVENIÊNCIA: Nuno Rodrigues

Contextualização

Foi enviado para que chegasse ao MUSEU DO FALSO, de forma anónima, sem mensagem, uma peça artística “Lusom-Ipsum”,
proposta à Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), entende-se que sob proposta desta entidade, acompanhada de uma carta oficial de resposta ao autor.
Esta maquete, exibe a ”Declaração Constitutiva da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa”, num formato arcaico de rolo.

O texto, em si, representação do espírito desta organização recém-criada, parece sofrer uma degeneração progressiva, transformando-se gradualmente em Lorem-Ipsum, texto simulado. Uma não-linguagem. Uma existência sem significado.

Oculta, no interior do rolo vinha uma carta, com o carimbo oficial da CPLP, descrevendo o processo de pedido, recepção e avaliação da peça e, por fim, dando nota de uma quebra de contrato por falta de respeito a uma clausula acordada.

Breve interpretação: Para lá das subtilezas videntes da peça, de notar o tom tecnocrata da resposta, importante por tratar-se de assunto de matéria cultural, princípio existencial da CPLP.

Esta incorporação, no acervo do Museu do Falso, teve Apoio

Peça Anterior
Peça Seguinte
Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google